Inside the Innovator’s Mind: uma conversa com Matt Barlow

By Rackspace Technology Staff -

icon of human head with lightbulb inside

 

Nota do editor:

Para este episódio da nossa série "Inside the Innovator's Mind", entrevistamos Matt Barlow, engenheiro chefe da Rackspace Technology. Continue lendo para conhecer o processo de solução de problemas que ele usa e o que o impulsiona a continuar inovando.

 

Visão profissional

Como você encontra tempo para inovar?

O processo de inovação está sempre acontecendo. Mesmo quando estou concentrado trabalhando em algo que eu já sei fazer, me pergunto constantemente "como eu posso automatizar ou evitar que este trabalho seja necessário?" Sempre que encontro um incômodo, mesmo que pequeno, eu também o guardo para voltar para ele depois. Quando as ideias inovadoras aparecem para mim, normalmente eu crio um post de discussão com a equipe, para poder coletar feedback antes de priorizarmos e transformar a ideia em uma série de tarefas.

 

Como você acompanha as novas tecnologias?

Como parte da minha rotina, sempre que eu encontro algo novo, em vez de passar por cima, reservo alguns minutos para entender e repetir para mim mesmo com as minhas próprias palavras para ter certeza de que o meu entendimento é completo.

 

Quem ou o que o inspira?

A comunidade de código aberto é uma grande fonte de inspiração. Eu trabalho muito com Kubernetes, que é uma comunidade fantástica e atenciosa. Todos são incentivados a se envolver, independentemente do seu nível de habilidade, e é maravilhoso interagir com pessoas que têm um propósito compartilhado.

 

Qual é a sua abordagem para resolver grandes problemas?

Eu uso duas abordagens diferentes, dependendo do problema. Para os problemas sobre os quais eu tenho muita autonomia, por exemplo problemas gerais, eu penso neles enquanto estou correndo. Eu corro quase todas as manhãs antes de trabalhar, e isso me dá muita clareza sobre as situações que acontecem dentro e fora do trabalho.

Problemas complexos de engenharia, no entanto, muitas vezes envolvem o restante da equipe. Para esses, eu crio um RFC (pedido de comentários) e dou um tempo para os meus colegas darem feedback. Depois de cerca de uma semana, eu agendo um tempo para discussão.

 

Como você gerencia os fracassos?

Eu os reconheço e faço o necessário para acertar as coisas.

 

Conhecendo você

O que você queria ser quando crescesse?

Eu nunca tive um plano do que eu queria ser e eu não sabia até depois de me formar na faculdade. No fim dos anos 90, eu me candidatei a uma vaga para Operador de Computador. Me apresentaram a central de dados, que ostentava terminais em preto e branco, mainframes, painéis de patch e servidores Sun Ultra Enterprise, e eu me lembro de dizer para mim mesmo "aqui é o meu lugar".

 

O que você faz agora?

A Rackspace Technology tem muita experiência em arquitetar e usar a tecnologia mais avançada para auxiliar os clientes em sua jornada de transformação digital. Eu trabalho com a tecnologia mais avançada – automatizando, implementando e construindo ferramentas ao torno dela que são usadas internamente e pelos clientes para possibilitar o sucesso.

 

É isso que você imaginava?

É tudo o que eu imaginava e muito mais! Eu sempre amei trabalhar com computadores. Quando criança, eu escrevia programas e ficava espantado por conseguir dar vida à minha imaginação. Isso foi antes da internet e todos os avanços que ocorreram desde então. Hoje, temos os recursos para testar e implementar praticamente qualquer ideia.

 

Um dia na vida

Você tem uma rotina matinal no trabalho? Como é?

Embora eu trabalhe com engenharia de produto, o que significa que eu não lido diretamente com os clientes, minha maior prioridade é o sucesso do cliente. Temos canais de Slack para as nossas equipes de suporte de Kubernetes e a primeira coisa que eu faço todos os dias é verificá-los para ver se há algum problema que apareceu durante a noite. Ainda que os problemas não tenham relação com o produto no qual estou trabalhando, mesmo assim quero saber sobre eles.

Em seguida, eu começo a trabalhar a partir do nosso quadro de projeto, e passo o resto do dia tratando de questões urgentes, trabalhando no quadro do projeto e colaborando com outras pessoas.

 

Que tipos de demanda você encontra?

Uma demanda significativa que eu encontro é manter o software atualizado. Um aplicativo moderno depende de centenas de projetos de software complementares, como a plataforma, runtimes de contêiner, bibliotecas de sistema operacional, serviços de banco de dados, APIs de provedor de nuvem, entre outros. Manter todos os elementos subordinados ao aplicativo atualizados e garantir que as alterações sejam seguras exige atenção especial.

 

Com quais funções/pessoas você mais interage? Qual a importância dessa interação?

A maior parte das pessoas com quem eu interajo trabalham na nossa organização Support. Eu sou um grande defensor da cultura DevOps, que tem a ver com a integração entre os grupos de engenharia e operações.

 

Do que você gosta no trabalho com os clientes?

O desafio! Eu adoro me envolver e aprender como nossos clientes estão usando as tecnologias mais avançadas. A tecnologia é como a matéria-prima. A Rackspace ajuda o cliente a moldar essa matéria-prima de acordo com a sua visão. A visão de cada cliente é única, e eu sempre aprendo algo novo quando ajudo um cliente.

 

Qual é o ponto alto do seu dia?

O ponto alto do meu dia é o início de cada dia, por causa das infinitas possibilidades que o dia reserva e da energia para aproveitá-las.

 

Deixe que nossos inovadores coloquem a experiência deles para trabalhar a seu favor.Comece aqui